Missão adiada

Setembro 30, 2008 às 2:21 pm | Publicado em Espaço | Deixe um comentário

Uma avaria no Hubble obrigou a NASA a adiar a missão de reparação para 2009. Pelo menos até Fevereiro, é o tempo que os técnicos precisam para testar e lançar o dispositivo avariado. O Hubble tem desde sábado à noite uma avaria no sistema que recolhe e formata os dados do telescópio para posterior envio para a Terra.

Quando a missão for autorizada, a agência vai enviar no vaivém um substituto para o aparelho avariado e vai ser preciso tempo até que o novo componente seja testado e que os astronautas sejam treinados para fazer a instalação. Portanto, não se sabe quando é que a missão vai partir ao certo. Há uma série de testes e treinos para fazer e uma surpresa desta demora tempo a resolver.

Mas acabou por ser um mal que veio por bem. Se o sistema tivesse avariado depois da missão do Atlantis, tinha sido um fiasco, pois ia encurtar a vida do telescópio.

A ver

Setembro 30, 2008 às 1:40 am | Publicado em Revistas | 2 comentários

A última Ciel et Espace com o salvamento do Hubble em destaque. A missão parte dia 10 de Outubro. Esperemos que seja um sucesso.

Memória do tempo

Setembro 30, 2008 às 1:29 am | Publicado em Memória do tempo | Deixe um comentário

Há 20 anos foi o Verão marciano. Marte brilhava no céu toda a noite com -2.73 de magnitude. As noites de Setembro também foram quentes. Duas sondas soviéticas voavam para o planeta. Uma já avariada (a Phobos 1) a outra a caminho de avariar (a Phobos 2). Tudo já foi há muito tempo. Já ninguém se lembra. Mesmo a capa da revista parece velha. Desgastada pelo tempo. E o país dos sovietes já não existe. Só Marte permanece. Bem e duas latas velhas com uma foice e um martelo também devem andar por aí. Perdidas e sem rumo.

Orgulho chinês

Setembro 29, 2008 às 4:56 pm | Publicado em Espaço | Deixe um comentário

A China tem obviamente razões para estar contente com o sucesso da Shenzhou 7. Em primeiro lugar, a missão correu relativamente bem e convém lembrar que estamos ainda a falar da 3ª missão tripulada chinesa, portanto, o nível de confiança no programa tripulado é elevado.

Depois convém lembrar que foi a 1ª missão com 3 astronautas, o que dificulta obviamente a vida a bordo, mas mostra que os chineses tem capacidade para uma missão já com 3 elementos.

Depois ainda foi uma missão com uma saída espacial, o que mostra capacidade de despressurizar o módulo orbital e também capacidade de produzir um fato espacial de fabrico local para caminhadas no espaço. Tudo isto é uma prova de que a China em pouco tempo dominou uma série de técnicas espaciais cruciais para missões tripuladas. Portanto, percebe-se o orgulho chinês na missão.

O passeio

Setembro 28, 2008 às 2:37 pm | Publicado em Espaço | Deixe um comentário

Imagem histórica de um chinês a flutuar no espaço. Durante 15 minutos cumpriu o seu papel. Mostrar que a China é uma grande potência, mesmo no campo espacial. O país do leite contaminado mostra ao mundo o que é capaz de fazer. E Zhai que vemos na imagem. O que pensará ele naquele momento? Naquele momento mágico em que deixa a nave? Em que olha a Terra? Nunca mais esquecerá o momento. Já não será o mesmo depois desta viagem.

Partida da Shenzhou 7

Setembro 26, 2008 às 4:45 pm | Publicado em Espaço | Deixe um comentário

Podcast da ESA

Setembro 24, 2008 às 11:51 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário

Uma página com muito vídeos das mais variadas missões. Um manancial para ver à noite no descanso do lar.

Clima 2008

Setembro 23, 2008 às 9:01 pm | Publicado em Dia-a-dia | Deixe um comentário

Um congresso sobre alterações climáticas que vai decorrer em Aveiro.

Telescópio

Setembro 22, 2008 às 7:31 pm | Publicado em Astronomia, Telescópios | Deixe um comentário

Faz agora anos que as primeiras lunetas foram inventadas. O mérito é habitualmente atribuído a Hans Lipperhey, um fabricante de óculos holandês que em Setembro de 1608, apresentou um pedido de patente de uma luneta ao governo da província de Zeeland, na Holanda.

O curioso é que ninguém sabe ao certo se foi Lipperhey que inventou este tipo de instrumento ou se copiou de outrem. Recentemente esta questão surgiu com atribuição da invenção a um catalão tendo depois sido copiada pelos holandeses. É provável que nunca se consiga descobrir a verdade sobre esta polémica, mas entramos agora nos 400 anos do telescópio. Um piscar de olhos à escala cósmica.

Galileu

Setembro 21, 2008 às 6:03 pm | Publicado em Espaço | 1 Comentário

Há 5 anos atrás a Galileu mergulhou nas nuvens de Júpiter e nunca mais foi vista. Não foi um fim glorioso para uma sonda que tanto nos deu. Foi o primeiro satélite que tivemos à volta de Júpiter. Um insecto à volta de um gigante. É uma nave do meu tempo. Lembro-me bem do seu lançamento, da passagem por Gaspra e Ida, da chegada a Júpiter. Foram anos de grandes descobertas. Guardo imagens fabulosas desses tempos. Imagens em slide que fui coleccionando para mostrar nos meus cursos. Já não valem nada. O slide morreu e é hoje apenas uma vaga recordação. Mas guardo-as para lembrar. Para lembrar um tempo que já não volta, como a Galileu.

Página seguinte »

Create a free website or blog at WordPress.com.
Entries e comentários feeds.