Castelo de Vide

Julho 9, 2008 às 1:04 pm | Publicado em Astronomia, Dia-a-dia | 1 Comentário

A solidão da luz, as noites escuras, a planície e o céu. A vastidão do campo, uma serenidade nocturna. Ao começo algumas franjas de nuvens, mas depois foram-se embora. E estivemos ali mais uma vez a ver o céu mergulhado numa terra serena e imóvel. Uma noite de compasso, de gestos lentos ao telescópio, de longas conversas. Uma noite de galáxias, de enxames, de planetas. De vultos, de sombras recortadas, de pequenos motores à procura de alguma coisa. Até a madrugada tudo cobrir. Até o cansaço vencer. Até ao fresco da noite tomar conta da planície rasa. E dos corpos que ainda resistiam.

Anúncios

1 Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. […] – bookmarked by 3 members originally found by usrbin on 2008-09-25 Castelo de Vide https://radiante.wordpress.com/2008/07/09/castelo-de-vide/ – bookmarked by 4 members originally […]


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: