Construir um telescópio

Fevereiro 15, 2007 às 5:09 pm | Publicado em Astronomia | 2 comentários

Um dia destes há-de chegar cá a Portugal. Uma colecção de fascículos em que se oferece um telescópio às peças.

Anúncios

2 comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. Olá;

    Antecipadamente ja peço desculpa pelo incomodo, é que procurei através de leituras e pesquisas resolver uma duvida sobre fabricação de espelhos primários e secundários, mas infelismente não conseguí, por isso venho pedir sua ajuda.

    A questão é até simples: Preciso saber se o bloco de vidro destinado ao espelho primário tem que ter ambos os lados extremamente perfeitos antes de iniciar o processo de moagem em uma se suas superfícies e se esses lados tem que ser perfeitamente paralelos entre sí, ou se estando apenas um dos lados correto ja posso iniciar o processo de desbaste na outra face independentemente dessa estar (ou não) perfeita e alinhada com a face inferior.

    Segunda e última questão: Como e com que tipo de ferramenta devo trabalhar a ou as faces do bloco de vidro, para corrigir defeitos e ou alinhamentos. Seria com uma ferramenta plana,igual, maior ou menor que o vidro separado para o espelho? O movimento dessa ferramenta sobre a placa seria o mesmo feito na produção da concavidade? (Não trabalharei manualmente, tenho maquinas de fabricação caseira para moer e polir vidros) Essa ferramenta pode ser de ferro?

    Obrigado, estou aberto para mais sugestões

    Francisco José Silva

    Presidente do CENARA (Centro de Astronomia da Região de Araçatuba)

  2. Caro Francisco

    Seguem as respostas às questões dadas pelo meu amigo Guilherme de Almeida, especialista no assunto…

    RESPOSTA:
    1. O processo de produção não depende do estado inicial das faces. Portanto, pode ser usado vidro (ou outro suporte, por ex. Pyrex, Zerodur, etc) da espessura conveniente para o diâmetro pretendido, tal como vem de fábrica (a clássica “bolacha de vidro”). O procedimento não pode ser aqui apresentado, por falta de espaço. O livro clássico é: La Construction du Télescope d’Amateur, de Jean Texereau, ou a sua tradução inglesa “How to Make a Telescope”, obviamente do mesmo autor. Há ainda o livro de Jean Marc Lecleire, cujo título exacto pode ser obtido no link http://www.astrotelescopes.com .

    2. Só se trabalha, em geral, a face que vai ficar côncava. Ela é trabalhada contra outro disco de vidro (quase sempre do mesmo diâmetro), denominada “ferramenta”, sendo designada como “Outil” ou como “Tool” respectivamente na literatura francesa e na literatura inglesa. O trabalho pressupõe o desbaste com carborundum molhado de grão grosso e depois sucesivamente mais fino (por ex, 60, 90, 120, 220, 320, 600), depois o alisamento com aloxites gradualmente mais finas; finalmente segue-se o polimento sobre quadrados de resina, utilizando como agente polidor o óxido de cério (o mais usual) ou ainda “rouge de polir” ou ainda óxido de titânio. Segue-se o clássico controlo no aparelho de Foucault, depois a parabolização. Todo este processo é conduzido sobre uma plataforma à altura do cotovelo do executante, estando o operador de pé. Os movimentos de destaste e de correção da superfície óptica fazem-se segundo trajectórias clássicas (ziguezaques progressivos) e já com provas dadas. É claro que se o espelho fica côncavo, a ferramente ficara convexa com a evolução do trabalho.
    É possível fazer perguntas e obter boas respostas (sabendo francês) se o interessado se inscrever no grupo http://www.astrosurf.com e frequentar os respectivos fórums. Para ler apenas não é preciso estar inscrito e basta aceder ao link http://www.astrofurf.com/forums) . Para lançar as suas próprias intervenções é essencial estar incsrito.
    A parte (Forum específico ) que trata disto é a parte “Astronomie Pratique”.

    O link para cader ao site do Jean Marc Lecleire é http://astrosurf.com/lecleire/ e não http://www.astrotlescopes.com como eu tinha referido.

    O livro do Jean Texereau (“La Construction du Télescope d’Amateur” pode ser totalmente acedido em pdf (grátis e legalmente) no site do autor, em http://www.astrosurf.com/texereau .

    A informação detalhada sobre o livro do Jan Marc Lcleire, bem como o seu título exacto (Réalisez votre Télescope” pode ser vista em http://astrosurf.com/lecleire/ , clicando sobre a fotografia do autor

    Abraço
    Guilherme de Almeida


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: