Eclipse (bom tempo)

Setembro 30, 2005 às 1:21 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Tudo indica que vai estar bom tempo para a observação do eclipse. Aliás, este calor inesperado que chegou hoje é uma espécie de despedida do Verão, mas é também um bom sinal para os próximos dias. Vamos ter bom tempo, o que me dá uma imensa satisfação. Já agora uma página muito interessante com uma animação bem conseguida do eclipse. Já agora depois deste o próximo anular em Portugal será em Janeiro de 2028 e será visível no Algarve. No entanto, teremos em 2026, um total no norte de Espanha, que será acessível para nós dada a distância não ser muito grande.

Encontros

Setembro 29, 2005 às 5:22 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Acontecem muitos encontros por esse mundo fora dos quais nunca ouvimos falar. Depois nem sempre encontramos material disponível na net. Ou quando encontramos está guardado de forma discreta como aqui.

Sexo sem gravidade

Setembro 29, 2005 às 3:30 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Sexo sem gravidade. Sim, há-de ser o título de uma das minhas palestras futuras sobre o espaço. Já ando a magicar nisto há muito tempo e para o ano vou avançar com a ideia.

Nixon

Setembro 29, 2005 às 3:27 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Pode ter sido um dos presidentes mais mentirosos da história da América. Mas disse uma coisa engraçada aos astronautas da Apollo 11 quando estes estavam na Lua: “Os céus tornaram-se uma parte do mundo humano”. É verdade e a frase toca um pouco cá dentro de nós.

Eclipses

Setembro 28, 2005 às 3:20 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
O WinEclipse é um excelente programa de simulação de eclipses. Pode ser obtido aqui. Podemos ver que o último anular em Portugal foi no dia 17 de Abril de 1912 (Quarta-Feira) e que a sua zona de totalidade passou por Ovar e Aveiro.

O eclipse em Aveiro

Setembro 28, 2005 às 1:10 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
O eclipse do Sol será visível em Aveiro a partir das 08h38m e atingirá o auge às 09h53m. O fim está marcado para as 11h16m. Na totalidade teremos 02h38m de duração e no máximo do eclipse veremos que 88,4 % da superfície solar ficará coberta pela Lua. Estarei em Bragança, mas o Dept. de Física realizará uma sessão pública de observação para quem estiver interessado.

Poeira do tempo

Setembro 26, 2005 às 4:29 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Há 20 anos a Astronomy trazia na capa uma imagem artistica da Voyager 2 a passar por Úrano. O encontro estava previsto para Janeiro de 1986. No céu Mercúrio encontrava Marte. E o cometa Halley estava cada vez mais perto do Sol.

Marte a aquecer II?

Setembro 26, 2005 às 1:28 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Agora percebo onde foram buscar a notícia do Marte a aquecer. Saiu há poucos dias no site da NASA, embora seja preciso muito cautela na sua análise. Agora entendo a razão da pergunta de ontem, pois certamente era baseado em alguma notícia que saiu nos jornais. É claro que mantenho o mesmo que disse ontem. O facto de se observar uma diminuição do tamanho dos depósitos de dióxido de carbono do pólo sul de Marte, não significa ainda muita coisa. Sabe-se que as calotes polares variam sazonalmente de tamanho consoantes as estações do ano ficando mais pequenas no Verão. O problema é que nós não temos ainda um registo longo destas variações para perceber se esta diminuição mais acentuada ao longo de 3 anos, se deve de facto a um aquecimento global ou outra razão qualquer. Ainda é cedo para perceber porque isso acontece. Mas o debate é interessante e sou capaz de o desenvolver aqui nos próximos dias. Falei com algumas pessoas da área. Vamos ver o que elas dizem.

Marte a aquecer?

Setembro 26, 2005 às 11:56 am | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Ontem, durante a minha palestra na FNAC, alguém da audiência comentou que os satélites à volta de Marte tinham detectado um aquecimento no planeta nos últimos 10 anos e que as calotes polares estavam a derreter e a recuar. Tive obviamente que contestar tal afirmação, pois não há qualquer razão para Marte estar a aquecer neste momento. Mas a pessoa continuava a insistir na teoria.

É óbvio que se trata de uma confusão, pois as variações de temperatura em Marte num período de 10 anos são sazonais devido à translacção do planeta ou então podem ser afectadas por tempestades de poeira, mas fora isso não há nenhuma razão para um aquecimento do planeta, pois não há libertação para a atmosfera de gases de efeito de estufa que possam aquecer o planeta, nem há variações na inclinação do eixo marciano que induzam alterações climáticas significativas.

Na resposta salientei que Marte é um planeta frio e que na verdade tem permanecido assim durante muito tempo. Se olharmos para a análise de meteoritos como o ALH 84001, os dados apontam para um Marte frio ao longo do tempo e onde as temperaturas poucas vezes passaram os 0ºC.

Portanto, é uma ideia descabida, mas parece-me que quem fez o comentário não ficou convencido.

Há noite, havia um debate previsto sobre “Luzes no Céu”, mas ao jantar percebi que o meu companheiro de debate já tinha sido raptado por extraterrestres e que estes lhe tinham ficado com os óculos. Decidi por isso vir mais cedo para casa e não participar em nada. São daqueles debates em que não dá para debater nada.

FNAC

Setembro 23, 2005 às 1:42 pm | Publicado em Astronomia | Deixe um comentário
Já há muito tempo que não dava uma palestra na capital. Mas no próximo Domingo vou estar na FNAC do Colombo a falar sobre os últimos dias do Sol. A palestra é às 17h00. Vou também falar do eclipse. A revista Ciel et Espace de Outubro traz os óculos para observar.

Página seguinte »

Site no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.